12 de junho de 2021
Campo Grande 25º 14º

Hexa campeã de Kung Fu pode ficar de fora da Seleção Brasileira por falta de patrocínio

A- A+

A hexa campeã brasileira de Kung Fu, Edinéia Camargo,25 anos, busca apoio de empresários no Estado para participar da avaliação da Seleção Brasileira, que será realizada dia 28 deste mês em Campinas, interior de São Paulo.

No currículo, Edinéia coleciona várias premiações entre elas, hexa campeonato brasileiro, bi campeonato Sul Americano, campeonato Pan-Americano.

 O Governo do Estado fornece uma pequena ajuda, com passagens e alimentação, o que é insuficiente para atleta, os gastos passam dos R$ 1 mil mensais com despensas e treinamentos.

“Não tenho nada ainda, só tenho a vontade de ir. E conseguir representar o Brasil no campeonato Sul Americano”, afirma.  Este campeonato começa em junho deste ano.

A falta de apoio é muito comum entre os atletas do Estado, que na maioria acabam dependendo de recursos do governo e das prefeituras. “Preciso de apoio, como hospedagem, alimentação e materiais esportivos”, comenta.


Paixão pelo esporte

A paixão pelo esporte surgiu aos sete anos, por meio de incentivos do pai, mas antes de praticar essa modalidade, ela chegou conhecer outras, como Judô, Karatê, Capoeira.

“Sempre quis fazer arte marcial, queria fazer uma luta, mas não tinha noção do que queria”, afirma.

A confederação brasileira realiza a avaliação todos os anos,  Edinéia foi convocada pela primeira vez a participar da seleção em 2007. Quem quiser ajudar a atleta pode entrar em contato pelo número 67 9264-6895.