14 de junho de 2021
Campo Grande 27º 13º

Independência é casa contra, diz presidente do Atlético-MG

A- A+

Em entrevista ao programa "Bate Bola", da ESPN Brasil, nesta quinta-feira, presidente do Atlético – MG que o clube Alexandre Kalil, mandará sua partida contra o Cruzeiro na decisão na Copa do Brasil, no Independência. Ele ainda afirmou que o bom retrospecto e a rivalidade mineira pesam em seu desejo de utilizar o estádio na final. "Nós acabamos uma reunião, e ficou definido que nós vamos realmente jogar o nosso jogo no Independência. Não abro mão, porque nós temos números impressionantes lá no Independência. São 80 jogos e apenas três derrotas. Vão dizer que a gente passou por Flamengo e Corinthians no Mineirão, mas lá é diferente, porque os dois não sabem nem qual é a porta pela qual entram em campo. Já o Cruzeiro tem contrato com o estádio, joga lá. Temos de fazer o lógico, utilizar o nosso mando". Alexandre mostrou não temer possibilidades de incidentes nas partidas entre Atlético-MG e Cruzeiro: "Não vou me deixar levar por um bando de baderneiros". O presidente ainda opinou sobre o que fez a equipe chegar novamente a uma decisão: "Este grupo tem muito comprometimento. Estão todos em ordem, na linha. Todos sabem que aqui, nós exigimos disciplina, mas a gente cumpre as nossas obrigações. Temos pessoas de cabeça fria, e está todo mundo muito feliz no elenco". Alexandre se revela modesto quanto a ser um presidente que entrará para história do Galo, a menos de um mês de encerrar o seu mandato: "Olha, esse negócio de entrar pra história, só o tempo vai dizer. Não tenho grandes ambições, sou só mais um presidente que passou por este clube e tentou construir uma grande história para o Atlético-MG. Quem vai julgar isto é o torcedor". Leide Laura Meneses