25 de junho de 2021
Campo Grande 30º 19º

Neymar joga mais na Liga e é centro das atenções de PSG x Barça

A- A+

Neymar está irritado com o treinador do Barcelona, Luis Enrique, por conta de constantes substituições. Só que na Liga dos Campeões é comum vê-lo por mais tempo em campo. Com a incógnita de quantos minutos atuará, o atacante brasileiro tornou-se o centro das atenções do confronto contra o PSG, às 15h45 (de Brasília), com placar UOL Esporte,  no estádio Parc des Princes, em Paris.

Um levantamento feito pelo UOL Esporte mostra que Neymar tem média alta de participação nos jogos da principal competição europeia nesta temporada. Foram sete partidas disputadas e média de quase 83 minutos em campo por jogo. No Campeonato Espanhol, o tempo médio de participação cai para 73 minutos, em 26 jogos disputados.
 
A estatística demonstra a importância de Neymar em confrontos decisivos para o Barcelona. Contra o PSG, por exemplo, o atacante participou de todos os minutos dos dois jogos disputados na fase de grupos. Ele marcou um gol em cada partida – Barça perdeu fora por 3 a 2 e venceu em casa por 3 a 1.
 
A polêmica entre Neymar e Luis Enrique ganhou força após a reação do atacante ao ser substituído por Xavi no empate por 2 a 2 contra o Sevilla, fora de casa, no final de semana, pelo Espanhol. Com o time em vantagem de 2 a 1, o treinador sacou o jogador, que deixou o campo fazendo gestos com a cabeça e mãos mostrando o descontentamento.

"Todos querem estar em campo, mas os jogadores devem entender que sou eu que tenho que tomar as decisões", declarou em entrevista coletiva na véspera da partida.
 
Na Liga dos Campeões, Neymar foi substituído em três jogos – os dois diante do Ajax na fase de grupos, e o de ida das oitavas de final contra o Manchester City -.  O problema são os números absolutos, com 15 substituições, em 34 paridas como titular.
 
Neymar é o jogador mais substituído do trio de ataque. Luis Suárez foi sacado 10 vezes nas 30 presenças como titular. Já Messi foi apenas uma. No time, só Rakitic foi mais vezes substituído - 17 alterações em 31 partidas como titular.
A dúvida quanto ao tempo presente em campo contra o PSG está gerada. O tema é muito comentado na Catalunha, rendendo capas em jornais esportivos na semana e debates em programas de televisão e rádio. 
 
"Não vi nenhuma imagem (da irritação de Neymar). Nossas gravações dos jogos são feitas da parte de cima do estádio e  não é possível notar expressão de jogadores", minimizou o tema Luis Enrique.
 
O técnico do Barcelona tem para o confronto contra o PSG apenas o desfalque de Daniel Alves suspenso. O lateral esquerdo brasileiro Adriano deve ser improvisado na posição. Há ainda chance do catalão Montoya atuar como titular.
 
Já a equipe francesa tem problemas maiores. O zagueiro David Luiz está lesionado. Já o volante italiano Verrati e o atacante sueco Ibrahimovic estão suspensos.
 
"O Barcelona coloca jogadores em campo que cansam o rival com a quantidade de passes. Só que contra eles, você se encontra muitas vezes em situações de contra-ataque. Então Lavezzi e Cavani são rápidos e necessitam de passes largos. Nesse sentido o Pastore é importante", disse o treinador francês do PSG, Laurent Blanc, confirmando o meia argentino como o substituto de Ibrahimovic.