02 de maro de 2021
Campo Grande 33º 21º

CRIME

Acusado de matar musicista vai a júri hoje na Capital

Luís Alberto Bastos Barbosa, acusado de matar a musicista Mayara Amaral, em crime ocorrido em junho de 2017 e que causou comoção no País será julgado hoje pela 1ª Vara do Tribunal do Júri, no Fórum de Campo Grande.

O juiz Aluízo Pereira dos Santos reuniu-se com familiares de Mayara Amaral para orientar como os familiares e amigos poderiam se manifestar sem causar tumulto ou influenciar os jurados.Agora pela manhã, em torno do Fórum Heitor Medeiros está sendo realizada uma manifestação encabeçada por movimentos de mulheres, familiares, amigos da vítima Mayara Amaral.

Mayara foi morta na noite do dia 25 de julho de 2017, em um motel localizado na Avenida Euler de Azevedo, a golpes de martelo e teve o corpo abandonado e carbonizado em uma estrada vicinal na região do Inferninho, na saída de Campo Grande para Rochedo. O acusado está preso desde o dia 27 de julho quando foi surpreendido por equipes da Polícia Civil, e preso em flagrante pela morte da musicista de 27 anos.