21 de abril de 2021
Campo Grande 32º 18º

Fronteira

Adolescente morre em tiroteio com metralhadora e fuzil

A- A+

Um adolescente de 17 anos morreu ao ser atingido por tiros durante uma perseguição que começou em Pedro Juan Caballero, no Paraguai e terminou em Ponta Porã. Policiais paraguaios e brasileiros perseguiam um trio, suspeito de integrar a facção criminosa PCC (Primeiro Comando da Capital), que estava em um carro-forte com fuzil e metralhadora.

De acordo com o site Porã News, três homens rondavam em um carro-forte a casa de uma autoridade do estado paraguaio de Amambay. Seguranças perceberam a movimentação e acionaram a Polícia Nacional do Paraguai, que foi ao local e iniciou uma perseguição com tiroteio.

Os homens no carro-forte usaram uma pistola 9mm, um fuzil calibre 7,62mm e uma metralhadora MAG, também calibre 7,62mm, para tentar combater os policiais. Ao entrarem em território brasileiro, indo em direção ao bairro Aeroporto, eles também foram perseguidos pela PF (Polícia Federal), PM (Polícia Militar) e Polícia Civil.

O jovem que morreu no tiroteio transitava de motocicleta no momento em que ocorria o tiroteio, sendo atingido. Socorrido, foi levado para atendimento médico no Hospital Regional de Ponta Porã, mas não resistiu os ferimentos e morreu.

O trio em fuga em determinado momento parou e fugiu em uma mata, levando o fuzil. Os suspeitos já foram identificados pela Polícia Civil.