27 de janeiro de 2022
Campo Grande 30º 22º

EXECUÇÃO | FRONTEIRA

Agente de Saúde é executada a tiros em oficina mecânica

Motoqueiro chegou no local efetuando os disparos

A- A+

Vanda de Araújo Sanabria, de 45 anos, morreu pouco depois de ser alvejada às 17:30 desta segunda (29.nov.21) na oficina Mecânica do Paulo, na Rua Belém, Vila Aurea, em Ponta Porã (MS).

Segundo o boletim de ocorrência, Vanda foi atingida por 4 tiros

O Serviço do Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionado e fez os primeiros atendimentos. Vanda foi estabilizada e conduzida em estado grave para o Hospital Regional, onde morreu pouco depois.  

Uma equipe da Polícia Civil isolou a oficina. Com o apoio da equipe do Agentes do Setor de Investigações Gerais (SIG) da 1º Delegacia de Polícia Civil da cidade, foram realizadas as diligências, o intuito de identificar o autor. 

Uma testemunha, o dono da oficina mecânica, de 55 anos, relatou que ouviu os disparos e quando olhou a vítima já estava ao solo.

Segundo populares, um homem de camiseta branca e calça jeans e de moto preta teria entrado na oficina efetuado os disparos e posteriormente saiu na motocicleta em direção desconhecida.  

A polícia disse que fez rondas, mas ninguém foi localizado.

Vanda era Agente Comunitário de Saúde, Estratégia Saúde da Família, no PSF da Vila Áurea – em Ponta Porã. O secretário de Saúde de Ponta Porã, Patrick Derzi lamentou a morte de Vanda e disse que todos os esforços para salvar a vida dela foram feitos, mas os tiros atingiram partes importantes e vitais. 

O caso foi registrado como homicídio simples na Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário de Ponta Porã.