09 de maio de 2021
Campo Grande 30º 15º

VIDA NOVA

"Além de dono do animal, é preto", diz homem que envenenou cachorros do vizinho na Capital

Suspeito deu veneno de rato para os animais embebido em carne assada; um deles morreu

A- A+

Um homem de 32 anos foi preso no fim da tarde de ontem (30. agosto), em Campo Grande, suspeito de envenenar cachorros da rua onde mora, no Jardim Vida Nova, e ainda, acusado de injúria racial contra o vizinho.

Segundo informações do boletim de ocorrência, o homem foi denunciado pelo vizinho, e dono dos animais, e confessou que havia dado veneno de rato misturado a carne assada para os cachorros. Quando a polícia chegou ao local, um cão estava agonizando e outro já havia morrido.

O homem não quis se identificar à polícia, mas os militares entraram na casa dele e encontraram os documentos e ainda veneno de rato.

Além de ser autuado por maus-tratos contra animais, o homem vai responder também por injúria racial, porque, ao ser questionado pelo vizinho sobre o envenenamento, respondeu: "além de dono do animal, é preto", e ainda por desobediência.