08 de maio de 2021
Campo Grande 26º 13º

HOMICÍDIO | RIO VERDE DE MATO GROSSO

Ângelo se entrega à polícia uma semana após matar atual da ex-esposa

Homem se entregou nesta segunda-feira (19. abril); o crime ocorreu em 13 de abril no interior de MS

A- A+

Ângelo Maria Felix, de 51 anos, acusado de matar atropelado o atual marido da ex-esposa, Wagner da Silva de Assis, de 30 anos, se entregou hoje (19. abril), uma semana após em (13. abril.21) cometer o crime na Rua Rio Grande do Sul, no Bairro Nova Rio Verde. O suspeito foi à polícia acompanhado pelo advogado. 

Na ocasião, o suspeito também atingiu a bebê Liz, de 2 meses, que foi arremessada do carrinho e rolou pelo asfalto. Ela foi resgatada em estado grave e segue internada na Santa Casa de Campo Grande. 

Segundo a Polícia Civil, os investigadores chegaram a procurar pelo acusado principalmente em áreas rurais de MS, local onde provavelmente esteve escondido.

Conforme os investigadores, Ângelo foi casado durante 11 anos com a mulher de 36 anos, e vinha fazendo ameaças contra ela.

Depois de 3 anos separada, a mulher se envolveu com Wagner e teve a bebê. (VEJA TODO O CASO AQUI)

BUSCA 

A ação de busca  pelo criminoso foi batizada de Operação Elishebba, em alusa à criança que ainda encontra-se gravemente ferida. O termo, segundo a Polícia, deriva do hebraico, que significa "meu Deus é um juramento", ou, possivelmente, "meu Deus é abundância", e assim, pede pela recuperação de Liz.