24 de setembro de 2021
Campo Grande 36º 21º

TRISTEZA

Aos 17 anos, Alessandra morre presa às ferragens em acidente na BR-262

O motorista do Uno sobreviveu, ainda não se sabe o grau de parentesco com a menina. O motorista da caminhonete teve apenas ferimentos leves

A- A+

Alessandra Maria da Silva Cardoso, de 17 anos, morreu e um homem de 52 ficou ferido em acidente na tarde de ontem, 4ª-feira (10.fev.21), na BR-262, em Corumbá, no interior de Mato Grosso do Sul. Os dois estavam em um Fiat Uno que bateu de frente com uma caminhonete. As informações são do site Diário Corumbaense.  

O motorista da caminhonete, saiu ileso e disse ao Corpo de Bombeiros que chovia muito no momento do acidente, e que o carro invadiu repentinamente a pista dele, não dando tempo de frenagem.

O Corpo de Bombeiros chegou no cenário do acidente e identificou a passageira adolescente ainda com vida, presa às ferragens, inconsciente, com traumatismo craniano grave e fraturas nas pernas.

Para o procedimento de socorro, a adolescente foi submetida ao oxigênio para ajudar na respiração até a chegada no pronto-socorro, para onde também foi levado o motorista do carro. No entanto, ela não resistiu e morreu no hospital.

O condutor do carro estava no interior do veículo, consciente, orientado, com fortes dores no braço direito, com provável fratura e um corte na cabeça.

A reportagem do MS Notícias não conseguiu localizar o boletim da ocorrência, não sendo possível trazer a público o nome dos demais envolvidos no acidente. Devido a isso, também ainda não se sabe o grau de parentesco das vítimas do Uno.