08 de dezembro de 2021
Campo Grande 32º 22º

Ambiente

Arrendatário é autuado em R$ 5.500 mil por degradação ambiental

A- A+


 Na tarde desta segunda-feira (11), durante fiscalização ambiental no Distrito de Piraputanga, Policiais Militares Ambientais de Aquidauana localizaram , em um balneário, a degradação de matas ciliares do córrego das Antas, afluente do rio Aquidauana.

 O arrendatário da área de lazer efetuou para a limpeza da área, derrubada de vegetação ciliar do córrego, que é protegida por lei como de preservação permanente (APP). 

Ele também construiu uma escadaria às margens do córrego, removendo a vegetação, tudo sem autorização ambiental.

Os policiais interditaram as atividades. Pela infração administrativa, o arrendatário, residente em Anastácio, foi autuado administrativamente e multado em R$ 5.500,00. 

Ele também responderá por crime ambiental. Se condenado, poderá pegar pena de um a três anos de detenção.

O autuado foi notificado a apresentar junto ao órgão ambiental Estadual um plano de recuperação da área degradada (PRADE). (Com assessoria).