09 de maio de 2021
Campo Grande 30º 15º

Polícia

CEAPOC realizará videoconferência sobre estudos e práticas de meditação na sexta-feira

A- A+

A Coordenadoria de Atendimento Psicossocial da Polícia Civil Ceapoc realiza na próxima sexta-feira (7), uma videoconferência com o tema Investigando a mente: estudos e práticas de meditação. O evento tem o objetivo de familiarizar os servidores com essa prática, fácil, simples e que traz muitos benefícios para a saúde.

De acordo com a Ceapoc, práticas meditativas estão sendo cada vez mais pesquisadas e utilizadas como técnicas que ajudam no combate ao estresse e como coadjuvantes no tratamento de transtornos mentais, não visando substituir os tratamentos convencionais, mas sim como um instrumento para auxiliar no tratamento e qualidade de vida do indivíduo. Além disso, estudos recentes comprovam que a meditação também auxilia na diminuição da pressão arterial, dor crônica e no fortalecimento do sistema imunológico.

A Coordenadoria ressalta ainda que a meditação é uma prática milenar estudada pela neurociência, dentre outras especialidades em saúde e tem apresentado muitos resultados positivos ao praticante.

Neurocientistas (como Sara Lazar, Daniel Goleman e Richard J. Davidson) afirmam que a meditação é capaz de modificar o cérebro, as conexões neuronais e reduzir os níveis de estresse e ansiedade, além de melhorar a qualidade da atenção e concentração do praticante. A meditação também influencia em mudanças comportamentais, ajuda a reduzir pensamentos distrativos e obsessivos, influenciando positivamente no modo de funcionamento da mente.

No momento da videoconferência, a Ceapoc recomenda que seja escolhido um local tranquilo que não haja interferência externa e que os participantes deem preferência ao uso de fone de ouvido.

Para a inscrição, deve-se preencher o questionário do link clicando aqui  .

Após o preenchimento enviaremos o link para acesso a reunião via Google Meet, via whatsapp, na data agendada.

O evento será na próxima sexta-feira (7), às 19 horas. Mais informações podem ser obtidas pelo telefone 67 99627-6178.

Fonte: PC MS