16 de setembro de 2021
Campo Grande 32º 21º

PROMUSE

Em 2020, programa da PM acompanhou 400 mulheres vítimas de violência doméstica

Ainda foram fiscalizadas 334 medidas protetivas e 270 agressores presos em flagrante

A- A+

Durante todo o ano de 2020, o Programa Promuse, da Polícia Militar, acompanhou, 400 mulheres vítimas de violência doméstica e familiar em todo o Estado. Ainda foram fiscalizadas 334 medidas protetivas e 270 agressores presos em flagrante.

Foram fiscalizadas 334  Medidas Protetivas de Urgência (MPUs), destas aconteceu 276 visitas técnicas. Do total de 270 agressores presos, 248 foram em flagrante por atos de violência doméstica, as outras 22 foram por descumprirem as medidas. Os policiais também fizeram 334 fiscalizações, para garantir que MPUs estavam sendo cumpridas.

O Programa

O Promuse realiza monitoramento e proteção de mulheres em situação de risco, por meios de ações de acompanhamento, visitas e prevenção, além de conversas com vítimas e até prisão dos agressores. 

Em novembro de 2020, um homem foi preso acusado de ter engravidado a própria filha. A vítima, então com 26 anos, teve o bebê aos 17 anos e só conseguiu romper com o ciclo de violência e denunciar o autor após o acompanhamento da equipe da PM. Por isso, denuncie o agressor.

O programa conta com os batalhões da PM, que integram a rede de atendimento à mulher em situação de violência, e ainda te a participação do CRAS (Centro de Referência de Assistência Social), a DEAM (Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher), Defensoria Pública e OAB (Ordem dos Advogados do Brasil).