13 de junho de 2021
Campo Grande 25º 11º

Grupo armado assalta caminhoneiro e ajudante em Batayporã

A- A+

Na manhã desta segunda-feira (15), um caminhoneiro, de 23 anos, e seu ajudante, de 28 anos, foram vítimas de assalto ocorrido na rodovia MS-276, em Batayporã. A dupla, que estava em um caminhão VW 12180, de placas AOM-6475, saiu de Batayporã para uma viagem com destino à cidade de Três Lagoas, sendo que, em determinado momento, ainda no município de Batayporã, o cargueiro foi cercado por um GM Vectra, ocupado por cinco pessoas encapuzadas e armadas, que ordenaram a parada do caminhão.

O motorista e o chapa foram então dominados pelos autores. Eles tiveram os olhos vendados e foram colocados no banco traseiro do Vectra, enquanto alguns dos criminosos se apoderaram do caminhão. Após andar algum tempo no carro, os ladrões obrigaram os dois a descer dentro de uma mata, onde eles tiveram as vendas dos olhos retiradas e foram amarrados com as próprias roupas a um tronco de árvore.

Nas palavras das vítimas, a quadrilha usava armas de grande porte e aos ameaçava dizendo que, se eles fizessem barulho, seriam mortos. Os criminosos ainda explicaram que queriam apenas o caminhão. Mesmo amarrados, o caminhoneiro e o ajudante permaneceram, por algum tempo, sob a mira de armas empunhadas por duas pessoas encapuzadas. Após isso, os criminosos abandonaram as vítimas e deixaram o local.

Depois de perceber que estava sozinha, a dupla de vítimas conseguiu romper a camisa utilizada como corda para prendê-los à árvore e, mesmo com as mãos amarradas com cadarços de tênis, caminharam em meio à mata, passaram por duas cercas de arame até encontrar uma estrada de chão, onde o condutor de uma GM S-10, que trafegava pelo local, prestou ajuda aos homens.

O motorista da S-10 deu carona à dupla, que foi levada diretamente para a Delegacia de Polícia Civil de Batayporã, onde o caso foi registrado através do boletim de ocorrência 852/2014 como roubo majorado pelo emprego de arma e pelo concurso de mais pessoas. Além do caminhão, as vítimas perderam celulares e documentos pessoais. O caso será investigado pelas autoridades competentes.

Nova News