21 de abril de 2021
Campo Grande 32º 18º

Piracema

Homem é preso com 113 quilos de pescado em MS

A- A+

A pesca na modalidade pesque-solte está liberada no leito do Rio Paraguai, desde o dia 1º de fevereiro. A Polícia Militar Ambiental (PMA) reforçou a fiscalização durante a operação Carnaval nos municípios de Corumbá e Porto Murtinho, com várias equipes em fiscalização no rio Paraguai.

Nesta segunda-feira (8) uma das equipes de Policiais Militares Ambientais que fiscalizava a região de Porto Morrinho, Distrito de Corumbá prendeu um pescador por pescar durante a piracema e armazenamento de pescado ilegal.

A equipe recebeu denúncias, de que o infrator possuía pescado ilegal em um freezer no seu rancho, localizado no Distrito de Porto Morrinho. A equipe foi até o rancho, mas não encontrou o pescador, porém, foi informada, de que ele estaria pilotando barco para um grupo de turistas no rio Paraguai. Os policiais o encontraram no rio e ele confessou que realmente estava com pescado irregular e foi até ao rancho com a equipe.

No local, foram apreendidos um freezer com 113 quilos de pescado, sendo 11 unidades da espécie pintado, pesando 88 quilos, três exemplares da espécie Jaú, pesando 14 quilos, um exemplar da espécie cachara, com sete quilos, um peixe da espécie dourado, com quatro quilos e uma rede de pesca com 100 metros de comprimento (petrecho proibido).

O infrator, de 27 anos, residente em Ladário recebeu voz de prisão por pescar em período de defeso e armazenar produto da pesca ilegal. Ele foi encaminhado, juntamente com o material apreendido, para a Delegacia de Polícia Federal de Corumbá, onde foi autuado em flagrante por crime de pesca predatória.

O pescador responderá por crime ambiental, com pena prevista de um a três anos de detenção. Ele recebeu multa administrativa no valor de R$ 3.000,00. (Com Assessoria)