11 de abril de 2021
Campo Grande 33º 22º

FEMINICÍDIO | DOURADOS

Namorado é preso suspeito de assassinar 'mulher de pijama' deixada em pedreira

Luciano matou a vítima depois de descobrir que ela tinha a intenção de terminar o relacionamento, diz site

Leia também

• Corpo encontrado de pijama vermelho com cerca de 20 facadas, era de jovem de 18 anos

Luciano Pedroso de Oliveira de 25 anos, foi preso como principal suspeito pela morte da namorada Larissa da Silva Cruz, de 18 anos, assassinada a golpes de faca ontem, 3ª-feira (15.dez.2020), deixada morta na antiga pedreira de Dourados, interior do Mato Grosso do Sul. A mulher usava um pijama vermelho no momento em que seu cadáver foi encontrado.  

Segundo o site, Ponta Porã News, Luciano matou a vítima depois de descobrir que ela tinha a intenção de terminar o relacionamento, então ele a convidou para ir ver a lua, no local onde os dois sempre iam e lá cometeu o assassinato.

Após o crime o suspeito pegou um ônibus para a cidade de Campo Grande e seguiu para Bataguassu, onde foi preso. Ele estaria tentando fugir para São Paulo.

Ainda de acordo com o site, Luciano deve chegar a Dourados ainda na manhã de hoje, 4ª-feira (16.dez.2020) quando o delegado de Polícia Civil, Rodolfo Daltro, concederá entrevista coletiva às 9h para detalhar a prisão do acusado e a motivação do crime.

Leia sobre o crime em: Corpo encontrado de pijama vermelho com cerca de 20 facadas, era de jovem de 18 anos