24 de setembro de 2021
Campo Grande 36º 21º

TRAGÉDIA | INTERIOR

Otávio, de 13 anos, é atropelado e morre ao soltar pipa; motorista está foragido

Motorista estaria embrigado e em alta velocidade

A- A+

Otávio Camargo Cano de Andrade, de 13 anos, morreu atropelado na tarde deste domingo (25.jul.21), na rua Pedro Gomes de Souza, bairro Estrela Porã, em Dourados (MS). 

Segundo a polícia, a vítima foi atingida por um carro GM Montana, placas HQH 6758, de Dourados, enquanto soltava pipa na calçada da casa do suspeito. O motorista fugiu o local.

Equipes do Corpo de Bombeiros e Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foram acionados, tentaram reanimar o adolescente, mas ele não resistiu aos ferimentos. 

No asfalto onde ocorreu o impacto, um sinal de frenagem de 70 metros indica que o condutor estava em alta velocidade. 

SUSPEITO – Quem conduzia o carro é Matheus dos Santos Souza, de 23 anos. Testemunhas disseram que o rapaz estava em alta velocidade quando atropelou o menino. Após matar o adolescente, o suspeito fugiu a pé do local do crime. 

Este é o suspeito de estar conduzindo o veículo que matou Otávio neste domingo. Este é o suspeito de estar conduzindo o veículo que matou Otávio neste domingo. 

A MÃE DA VÍTIMA – A mãe do adolescente ficou em choque e foi socorrida ao Hospital.

INVESTIGAÇÃO – Dentro do carro, garrafas e latas de cerveja foram apreendidas pelos policiais. A suspeita é que o motorista tenha ingerido bebida alcoólica. 

Recipientes de bebidas achados pela polícia no interior do Montana.  Recipientes de bebidas achados pela polícia no interior do Montana. Foto: Ligado na Notícia 

REVOLTA – Populares estão revoltados com o caso e prometeram que assim que a polícia sair do local vão queimar a casa do acusado no bairro Estrela Porã.

Revoltados populares prometem queimar a casa do acusado (Imagem: Adilson Domingos)Revoltados populares prometem queimar a casa do acusado (Imagem: Adilson Domingos)

DESPEDIDA – A tia de Otávio, Silvia Cano de Andrade, pediu misericórdia em uma triste despedida do sobrinho.“(sic) Meu Deus o que está acontecendo com a minha família Sr Jesus Cristo. Tenha misericórdia da minha família. Meu pequeno menino. Meu neguinho”, escreveu.