02 de maro de 2021
Campo Grande 33º 21º

"CPF'S CANCELADOS"

Sargento reage a tentativa de assalto e mata dois no Santo Amaro

Suspeitos ficaram caídos no asfalto após perseguirem militar por 12 quadras

Bryan do Carmo Coelho da Silva, de 22 anos e João Otávio Alves de Faria, 18 anos, foram mortos a tiros por um militar do Exército de 42 anos, por volta de 20h desta quinta-feira (15), na rua Ponta Porã, bairro Santo Amaro, em Campo Grande. Registro tráz que militar teria reagido a assalto. 

À policia, o homem que Sargento do Exército há 22 anos, contou que sua esposa tem uma farmácia no bairro Manoel Taveira e quando está de folga, ajuda ela.  

Ontem, conforme o registro, por volta de 19h50, o militar fechou a farmácia e seguiu a pé para sua casa, próximo ao estabelecimento, no bolso o militar levava R$ 930, dinheiro do caixa da farmácia. 

Ainda segundo registro, no momento em que seguia para casa, ao dobrar uma esquina, notou que dois indivíduos estaria o perseguindo, os homens, estavam em um Honda Biz, vermelha.  

Atento, o militar teria seguido viagem, logo a frente entrou em uma padaria para comprar pão, quando, lá fora, notou novamente a dupla passado na moto. 

O relato minucioso do sargento, aponta que, na sequência, ele saiu da padaria e caminhou por mais 12 quadras, quando já chegava em sua residência, em um local escuro e sem pessoas pela rua, foi abordado pela dupla anunciando o assalto.  

Durante a ação, um dos suspeitos desceu da moto apontando uma pistola para o peito do militar e pedindo carteira e celular. Ainda segundo o relato, o outro suspeito permaneceu na moto com a mão esquerda na cintura. 

Gritando, o suspeito que estava no chão, ordenou a entrega dos objetos, o militar estendeu a mão e entregou o celular, ainda mirando a pistola no peito do militar, mandou que a vítima entregasse também a carteira.

No momento em que foi pegar a carteira no bolso, o sargento sacou sua pistola Taurus de calibre 9 milímetros e efetuou dois disparos contra os suspeitos.

Ainda de acordo com o relato do sargento, quando sacou sua arma de fogo e matou o primeiro, o segundo ameaçou sacar algo da cintura, com medo, o militar efetuou o segundo disparo, atingindo o piloto.

O sargento disse ainda, que mesmo atingido, o piloto tentou fugir e caiu logo a frente, ele segurava a arma em mãos no momento em que morreu. 

O sargento acionou a Polícia Militar e o Corpo de Bombeiros. Ele prestou socorro aos suspeitos que ficaram caídos no asfalto. O militar contou ser bastante comum na região, roubo a mão armada nos comércios e residências, sendo que um militar foi morto ano passado no bairro, durante assalto.

Junto com o militar, a polícia encontrou um celular, a carteira e a quantia em dinheiro da farmácia.

Ele apresentou a arma de fogo e as munições para a polícia. Um rapaz de 19 anos filmou toda a ação e foi encaminhado para a delegacia, dizendo ter filmado a tentativa de assalto para mostrar para sua mãe. O celular dele foi apreendido para perícia.