16 de abril de 2021
Campo Grande 32º 20º

Entretenimento

Do anonimato ao sucesso, Andréia Mocréia conta sua trajetória

"Dudy Elias que é do sexo masculino, ficou conhecida aqui na Capital e no estado por interpretar a personagem 'Andrea Mocréia'"

"O homem livre é um lutador e a liberdade é algo que se conquista", ainda disse Nietzche, filósofo, crítico cultural, poeta e compositor alemão do século XIX, escreveu vários textos críticos sobre a religião, a moral, a cultura contemporânea, filosofia e ciência, exibindo uma predileção por metáfora, ironia e aforismo e ressaltava a importância da liberdade na arte e como o artista se encaixa, ou não nesse meio.

Foto: Marcos Maluf

Em Mato Grosso do Sul a arte é observada com olhos ainda limitados, a personagem de hoje fala sobre as barreiras de quebrar os preconceitos e levar um personagem para TV aberta, Dudy Elias que é do sexo masculino, ficou conhecida aqui na Capital e no estado por interpretar a personagem 'Andrea Mocréia' , no programa Balanço Geral que vai ao ar todos os dias a partir das 12 horas e é transmitido pela afiliada da Rede Record, a TV MS Record, para todo Mato Grosso do Sul. 

"Eu toco piano desde de muito novo, a arte surge quando participei de um programa de calouros, um programa nacional e acabei sendo desclassificado por pouca interpretação, ai resolvi estudar artes cênicas até então era só para melhorar minha interpretação, mas me apaixonei por arte e hoje vivo isso", disse Dudy.

Sobre qual foi o maior o obstáculo para chegar a TV e como  nasce o personagem 'Andréia Mocréia', o artista explica que no início fazia vídeos para o YouTube e resolveu arriscar mandando um vídeo para o antigo apresentador do programa Balanço Geral, Rezende Jr., "Enviei o vídeo tentando bater em uma porta, fiz artes cênicas aqui e no Rio de Janeiro,  aí voltei pra cá e precisava trabalhar e não queria mais tocar, aí enviei o vídeo para o programa o Rezende foi um cara de visão, me chamou e hoje ele nem esta mais aqui e eu estou, agradeço muito a ele", ressalta Dudy. 

Alegrando a todos na redação. Andréa Mocréia e a jornalista Ellen Genaro. Foto: Tero Queiroz. Alegrando a todos na redação da TV. Andréa Mocréia e a jornalista Ellen Genaro. Foto: Marcos Maluf. 

Sobre a recepção do público em relação a personagem, ele explica que é variada, na maioria das vezes muito positiva, porém há um certo preconceito de alguns. "A receptividade é muito interessante, tem gente que ama e odeia. Não tem meio termo. É complicado estar numa TV aberta, tem um preconceito, pouco, mas tem. Eu consegui conquistar muito as crianças, elas vem aqui conhecer e participar do programa. Na rua, venho no carro, de vidro aberto e as pessoas gritam "Mocréia!", "Mocréia!", e eu aceno, paro, tiro foto, converso, porque o público é importante. Sem ele eu não existo", afirma.

Para aqueles que possuem o desejo de seguirem na carreira artística, o ator destaca que o estudo é fundamental para alcançar o sucesso na profissão. "Primeira coisa, estude muito. Por que alguns acham "Vou ser artista para não trabalhar", muito pelo contrário. A gente tem que estudar muito. Fiz seis anos de faculdade, por que fazer arte não é fácil. Tem que estar antenada sobre o que acontece no mundo artístico e fora dele, sempre se renovando, reciclando, pois se você não é bom, o mercado não quer você", conclui.   

E novamente o artista campo-grandense mostra sua garra e vontade de seguir o que diz a frase de Nietzche, e lutar contra preconceitos e quebrar os limites para levar para todos sua arte, assim nota-se que Dudy Elias é um dos grandes espíritos guerreiros de Mato Grosso do Sul.