28 de julho de 2021
Campo Grande 14º

Sérgio Reis e Renato Teixeira se apresentam dia 01 de junho em Campo Grande

A- A+

A Fundação de Cultura do governo do Estado apresenta no dia 1º de junho (domingo), a partir das 17h30, no palco do MS Canta Brasil, no Parque das Nações Indígenas a música de raiz dos companheiros Sérgio Reis e Renato Teixeira e clássicos da música sul-mato-grossense com a Orquestra Revoada Pantaneira. A entrada é franca. Parceiros de música e de vida desde os anos 60, Sergio Reis e Renato Teixeira apresentarão no MS Canta Brasil o show “Amizade Sincera”, que expressa muito bem os sentimentos e a beleza da cultura de raiz brasileira. Dando destaque para canções feitas em parceria ao longo de quase cinco décadas e a músicas de compositores como Almir Sater, Geraldo Roca e Paulo Simões, o projeto contou com a participação de Paulo, filho de Sérgio Reis e de João e Chico, herdeiros da arte musical de Renato, formando uma família só de músicos. Em pouco tempo, o DVD de lançamento do show atingiu marca superior a 25 mil cópias vendidas e ganhou disco de ouro, permanecendo entre os dez produtos mais vendidos nas maiores lojas do país por semanas consecutivas. O repertório do espetáculo, que promete homenagear as tradições e relembrar eternos sucessos, inclui composições que os fãs sul-mato-grossenses conhecem bem, como Tocando em Frente, Romaria, Comitiva Esperança, Menino da Porteira e Trem do Pantanal. Revoada Pantaneira - União entre violas caipiras, violinos, percussão, violoncelo, contrabaixo, sons de pássaro e berrante. Tudo isto em uma mesma proposta, adicionando os principais ritmos e estilos presentes no universo da música rural brasileira. Uma mistura que reúne do clássico ao caipira. Assim é a Orquestra Revoada Pantaneira, criada em 2007 pelo maestro André Luís, o “André Viola”. É formada por alunos da Escola de Música Revoada Pantaneira e busca, através do ensino da arte, renovar e fortalecer a nossa encantadora cultura musical. Para o MS Canta Brasil a Orquestra Revoada Pantaneira trará em seu repertório músicas de raiz e regionais, modas de viola, toadas, cururus, cateretês, polcas, chamamés, pagodes de viola, dentre outros estilos que fazem parte da história cultural do Brasil. Heloísa Lazarini