28 de novembro de 2020
Campo Grande 36º 23º

Câmara Municipal

Garçom há 15 anos na Câmara Municipal, Mauro Firmino morre aos 73 anos

Vereadores de Campo Grande lamentaram falecimento na manhã desta quarta-feira

A Câmara Municipal de Campo Grande comunicou o falecimento do garçom Mauro Firmino, servidor da Casa de Leis por 15 anos. Ele tinha 73 anos e estava internado no Proncor, onde tratava de complicações de câncer de pâncreas, e faleceu na manhã desta quarta-feira (20).

No início da transmissão da Comissão Especial da Câmara, criada para discutir ações de combate ao Covid-19, o vereador Eduardo Romero (Rede) falou sobre o falecimento do servidor e destacou a saudade e dor que ele deixa. “Sempre gentil, disposto a servir, sempre de bom humor. Nossos sentimentos à família e aos amigos”.

Já no fim da transmissão, uma imagem do sr. Mauro foi exibida em homenagem. “Nosso grande parceiro e amigo. Quem teve a sorte de conviver com ele sabe da energia, da alegria e do quanto ele era uma pessoa que tinha o prazer em servir e mostrar que são nas coisas simples que a vida tem sentido e faz diferença”.

 

Segundo a Câmara Municipal, Sr. Mauro deixa três filhas, Helma, Janaína e Camila, cinco netos e a esposa Dona Selva. O presidente João Rocha (PSDB) destacou que o funcionário foi sempre exemplar e ‘verdadeiro amigo’. Primeiro secretário, o vereador Carlão (PSB) disse que o sr. Mauro foi sempre uma ‘pessoa simples, dedicada, comprometida com o serviço público, brincalhão e corintiano nato’.