24 de junho de 2024
Campo Grande 27ºC

Senar/MS duplica o número de capacitações profissionais oferecidas em janeiro

A- A+

O Senar/MS (Serviço Nacional de Aprendizagem Rural) inicia as atividades de 2015 com o dobro de turmas oferecidas para os cursos de FPR(Formação Profissional Rural) e PS (Promoção Social) em relação ao mesmo período do ano passado.

Em janeiro de 2014 foram realizadas 64 qualificações profissionais, enquanto que este mês estão confirmadas 135 opções em mais de 30 municípios do Estado, o que representa alta de 111%.

5664-curso-sucroenergetico-a

Dentre os setores do programa, destaca-se o setor sucroenergético, que foi responsável pela demanda de aproximadamente 24% das qualificações ofertadas. As usinas Biosev e Passatempo, localizadas nos municípios de Maracaju e Rio Brilhante, solicitaram 32 capacitações que serão ministradas ao longo do período para os trabalhadores rurais da região.

Na avaliação do superintendente do Senar/MS, Rogério Beretta, dois aspectos foram responsáveis pelo aumento da demanda de cursos voltados a este segmento. “O bom relacionamento dos sindicatos e dos supervisores do Senar com as usinas foi essencial para que adequássemos os cursos de acordo com a real necessidade dos empresários. Outro ponto importante foi o grande investimento que a instituição fez na formação dos instrutores, o que possibilitou aumentar o número de turmas”, considerou.

O trabalho começou ainda em 2014, quando os mobilizadores dos sindicatos rurais promoveram um trabalho de visita às usinas de álcool e açúcar e identificaram quais as principais carências de profissionais existentes. Os cursos com mais procura foram Manutenção Preventiva de Tratores Agrícolas, Operação de Trator com Transbordo Canavieiro, NR 33 – Trabalhador e Vigia em Espaço Confinado e NR 31 para Trabalhadores com Agrotóxico.

Balanço de atividades - Em 2014, a instituição ofereceu 3,7 mil cursos gratuitos aos produtores e trabalhadores rurais de MS, pontuando um aumento de 56% em relação aos 2,4 mil oferecidos no ano anterior. O crescimento no número de participantes foi mais expressivo saltando de 34,6 mil para 72,5 mil alunos, representando evolução de 109% no período.

Redação