24 de junho de 2021
Campo Grande 31º 19º

Em 2015, confinamento de gado deve crescer 5%

O que deverá contribuir para esse aumento são dois fatores, o preço da arroba e a falta de chuva.

A- A+

A meta para 2015 é o crescimento de 5% no confinamento. O que deverá contribuir para esse aumento são dois fatores, o preço da arroba e a falta de chuva. As informações são do Canal Rural.

Já teve início a preparação da linha de confinamento, levando o gado para o local adequado. Normalmente os animais ficam soltos na pastagem, mas, devido a seca, os criadores do interior de São Paulo estão adiantando o processo.

A Cooperativa dos Plantadores de Cana do Estado de São Paulo espera que seja antecipado em um mês a entrada de animais nos cooperados, devido a dois motivos relevantes, um é o período de chuva, que está difícil na região e o segundo é a boa oportunidade de preços da arroba, que está a um valor elevado e isso faz com que o cooperado fique um pouco mais com os animais.

Pecuaristas tem utilizado essa técnica, de confinamento antecipado do gado, devido aos dois fatores citados.

Segundo os especialistas, a previsão é de que no país o total de gado confinado suba de 4,160 milhões de cabeças para 4,360 milhões. Os preços devem continuar firmes, isso porque a oferta de animais ainda é baixa, e a demanda deve seguir aquecida.