12 de junho de 2024
Campo Grande 23ºC

Importações superam exportações em US$ 2,35 bi em novembro, 3º mês negativo

A- A+

O Brasil importou US$ 2,35 bilhões a mais do que exportou em novembro, marcando o terceiro mês seguido de resultados negativos.

Em outubro, a chamada balança comercial tinha perdido US$ 1,2 bilhão; em setembro, o resultado foi negativo em US$ 939 milhões.

O resultado veio um pouco melhor que o esperado pela mediana dos especialistas consultados pela Reuters, que tinham projetado deficit de US$ 2,7 bilhões.

As exportações somaram US$ 15,646 bilhões, e as importações, US$ 17,996 bilhões, segundo o Ministério de Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior.

Queda nas exportações pesa no resultado

O deficit na balança comercial foi influenciado, principalmente, pela queda generalizada das exportações e com forte recuo nas vendas ao exterior de minério de ferro, petróleo, veículos, soja e derivados.

Pesou nesse resultado a retração nas vendas das três categorias de produtos: básicos, manufaturados e semimanufaturados.

Entre itens básicos de mais relevância, caíram as exportações de minério de ferro (-47,5%), petróleo bruto (-12,6%), farelo de soja (-34,3%) e soja em grão (-76,6%).

Entre os manufaturados, destacam-se as retrações em veículos de carga (-46,8%) e automóveis de passageiros (-39,8%).

Entre os semimanufaturados, alguns dos maiores recuos foram de ferro fundido (-41%) e açúcar bruto (-11,9%).

Acumulado do ano

No ano, as exportações estão em US$ 207,611 bilhões, 5,7% menores em relação a igual período do ano anterior pela média diária das operações.

Ainda no acumulado de janeiro a novembro, as importações estão em US$ 211,832 bilhões, 3,9% abaixo do verificado em igual período do ano anterior.

A diferença entre importações e exportações no acumulado do ano, portanto, está negativa em US$ 4,221 bilhões.

Karla Machado com UOL