25 de junho de 2024
Campo Grande 26ºC

Selecionados no concurso do Agrinho 2014 são premiados hoje

A- A+

Hoje, o Senar (Serviço Nacional de Aprendizagem Rural) entrega prêmios a 57 estudantes, professores e coordenadores pedagógicos, que se destacaram no Programa Agrinho. O evento acontece no Ondara Master, a partir das 10h.

O programa foi implantado em abril, no estado e envolveu mais de  30 mil estudantes, capacitando, seis mil professores de oito municípios de Mato Grosso do Sul. Os vencedores foram escolhidos entre os trabalhos inscritos no site www.agrinho.com.br, nas categorias desenho, redação e experiências pedagógicas. Entre os prêmios, tablets, computadores, vídeo games, bicicletas e uma viagem com acompanhante para o Nordeste.

Para o próximo ano, a expectativa é de que ao menos dez novos municípios sejam incluídos, sendo que três já confirmaram participação, que são Camapuã, Coxim e Água Clara. A meta para 2015 é atender 70 mil alunos, mas, isso vai depender da adesão dos municípios.

O programa foi lançado em abril de 2014 pelo Senar, e tem o objetivo de levar às crianças e jovens, estudantes do 1° ao 9° anos da rede pública de ensino, a importância do meio rural para o desenvolvimento econômico e social, do Estado e País.

A iniciativa, em parceria com as secretarias estadual e municipal de Educação, trabalha nas escolas desenvolvendo proposta pedagógica com base na interdisciplinaridade e na pedagogia da pesquisa, por meio de material próprio, abordando temas relacionados à ética, cidadania, saúde, alimentação, desenvolvimento sustentável e produção de alimentos, com enfoque na preservação ambiental.

No Estado, o programa é realizado em parceria com a SED ( Secretaria de Estado de Educação), UFMS (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul), Senar/MS, Fundação de Cultura de MS, Undime (União Nacional dos Dirigentes Municipais de Educação) e Ateliê Ana Ruas. Os prefeitos dos oito municípios participantes no programa já confirmaram presença no evento, são eles: Anastácio, Maracaju, Sidrolândia, Ribas do Rio Pardo, Nova Andradina, Terenos, Rochedo e São Gabriel do Oeste.

 Tayná Biazus