19 de abril de 2021
Campo Grande 31º 20º

CIÊNCIA

Fenômeno que não ocorre há mais de 350 anos acontece nesta 2ª-feira no céu

Os planetas devem se alinhar em deterinado horário desta 2ª-feira

Alinhamento entre Júpiter e Saturno poderá ser vista a olho nu nesta 2ª-feira (21.dez.2020) à noite. Esse é o mais próximo que os planetas chegam um do outro desde 1623, quando Galileu observou os dois planetas de sua luneta. O mais interessante é que todo mundo poderá ver, hoje ao pôr-do-sol. Há mais de 350 anos atrás esse fenômeno não ocorria. O acontecimento poderá ser visto até 30 de dezembro.  A próxima vez que o fenômeno ocorrerá de novo é 2080.  

Quem estiver próximo da linha do Equador poderá ver com auxílio de um binóculo, algumas Luas de Sataurno e o contureão dos anéis de Saturno.  

Embora esses dois planetas se encontrem nesta posição a cada 20 anos, o encontro de 2020 é muito particular, pois quase 400 anos se passaram desde que ambos estiveram tão próximos um do outro, e cerca de 800 anos desde que aconteceu à noite, o que permitirá que seja visível em quase todos os lugares do mundo, observa a Nasa, a agência espacial dos Estados Unidos.

A proximidade, é claro, é uma questão de perspectiva: esses dois planetas estão na verdade separados por centenas de milhões de quilômetros.

Devido à sua luminosidade, pode ser visto sem binóculos ou telescópio. Você deverá olhar para o oeste , mas é importante que você o faça de um lugar claro como um parque ou um piso elevado, sem nada à sua frente que obstrua sua visão e, se possível, com pouca poluição luminosa.

Abaixo a página trasmite ao vivo a conjunção, confira: