17 de abril de 2021
Campo Grande 31º 20º

SAÚDE

Passos essenciais no dia a dia para garantir uma boa saúde bucal

Cofira doenças que podem ser evitadas com a higienização adequada

O cuidado com a saúde da boca e dos dentes é necessário para manter a vida com mais qualidade. Para que isso seja possível, é necessário estar atento a passos essenciais quando falamos da higienização dos dentes e da boca.

Os cuidados com a boca devem ser feitos por todos, tanto os que não possuem tratamento como pessoas que possuem aparelho dental transparente ou implantes.

Além disso, o setor da odontologia avançou muito e trouxe variadas técnicas preventivas para evitar o desenvolvimento de doenças, mas que também possuem relação com os cuidados diários e rotineiros.

No presente artigo abordaremos sobre a importância de manter uma boa saúde, dicas de como manter a saúde bucal em dia e quais as doenças que podem ser evitadas quando a higienização está em dia.

PREVENIR É MELHOR QUE REMEDIAR

Quando abordamos saúde bucal estamos nos referindo a uma palavra primordial que é chamada de “prevenção”. Assim, todos os problemas dentários, em sua grande maioria, aparecem pela ausência de uma constância na higienização.

Por isso, a higienização dos dentes e da prótese sobre implante dentário são importantes para prevenir o aparecimento de doenças. Dessa maneira, entendemos que quando nos referimos aos dentes e a boca, é preciso sempre prevenir.

No tópico abaixo abordaremos sobre algumas doenças que podem ser evitadas com a higienização adequada.

DOENÇAS EVITADAS PELA HIGIENIZAÇÃO DOS DENTES

As doenças bucais existentes, em sua maioria, são desenvolvidas após uma precária higienização bucal. 

Entretanto, a partir do momento em que cuidados são tomados, alguns problemas bucais podem ser evitados. São eles:

  • Limpeza diária dos dentes;
  • Cuidado com a alimentação;
  • Hidratação adequada;
  • Visita ao dentista periodicamente.

Abaixo abordaremos três doenças bucais que são evitadas em uma boca sadia e equilibrada.

HALITOSE

A halitose é o mau hálito crônico, de modo que se torna uma doença bucal. Muitas podem ser as causas da halitose, como disfunções estomacais. Entretanto, a maioria das causas está relacionada à má higienização dos dentes.

Isso porque quando a boca e os dentes não são bem escovados, ocorre o acúmulo de resíduos na língua e na boca, o que gera o mau hálito. Assim, cuidar dos dentes e da boca evitam esse tipo de situação.

GENGIVITE

A gengivite consiste na inflamação das gengivas que é causada pelo avanço das placas bacterianas dos dentes. 

Essa placa é causada pelos restos de alimentos. Inclusive, quem deseja colocar lente de contato dental, precisa retirar todo o resquício de placa antes de qualquer procedimento.

Alguns sintomas da gengivite são: inchaço, vermelhidão e sangramento. Uma boa higienização evita a formação de placas e, consequentemente, a gengivite.

PLACA BACTERIANA

Por fim, a placa bacteriana, que já nos referimos anteriormente, consiste em uma película viscosa que fica ao redor dos dentes e que pode endurecer e evoluir para tártaro e gengivite.

Quando a placa endurece se transforma no tártaro, que só pode ser retirado em consultório pelo dentista.

Portanto, a boa higienização, evita esses problemas bucais.

No tópico abaixo abordaremos os cuidados que devem ser tomados para evitar o aparecimento desses tipos de disfunções e até mesmo potencializar os efeitos de alguns tratamentos, como o de clareamento consultório.

DICAS PARA UMA BOA SAÚDE BUCAL

Existem alguns passos e dicas que abordaremos neste tópico e que ajudam no desenvolvimento de uma boa saúde dos dentes.

ESCOVAR OS DENTES DIARIAMENTE

Uma das principais dicas para quem quer manter a boca e os dentes em ordem é a escovação diária, ao menos três vezes ao dia. 

Uma maior atenção deve ser dada à escovação noturna, que é uma das mais importantes, pois é o período que ocorre menor salivação e a boca fica vulnerável ao desenvolvimento de bactérias.

LIMPEZA DO DENTISTA

Além da limpeza cotidiana, periodicamente é aconselhável realizar a limpeza mais profunda dos dentes com o dentista, no tratamento conhecido como profilaxia.

Neste processo é feita uma higienização profunda, polimento dos dentes, remoção de tártaros e os dentes podem se tornar mais claros, limpos e com muito mais brilho.

ALIMENTAÇÃO

Ter uma alimentação saudável é importante para manter a força e a limpeza dos dentes. Assim, incluir alimentos ricos em cálcio como o leite são essenciais para dentes mais bonitos.

USO DO FIO DENTAL

O uso do fio dental deve complementar a escovação, sendo essencial para a limpeza por eliminar resíduos que não saem no processo de escovação. Seu uso deve ser cotidiano.

BEBA ÁGUA

Manter o corpo hidratado evita que mau hálito se desenvolva e doenças como cárie avancem. Além disso, a água permite a manutenção de Ph e intensifica o fluxo salivar, contribuindo com a higienização natural.

Deste modo, vimos os principais cuidados que podem ser tomados para uma saúde bucal eficiente e quais são as disfunções que podem ser evitadas.

Conteúdo originalmente desenvolvido pela equipe da Vue Odonto, uma rede especializada em atendimento odontológico com enfoque na humanização.