22 de junho de 2021
Campo Grande 29º 16º

Muro de escola é a maior galeria de pintura a céu aberto em Dourados

A- A+

1417517860547d9b286a20f2.94926045

Quase 500m² de muros da Escola Franciscana Imaculada Conceição receberam, neste final de semana, uma verdadeira “repaginada”. Trata-se do projeto “Não pinte o 7, pinte 0 60”, que abriu as festividades de comemoração do Jubileu de Diamante da Escola - 60 anos que serão completados em 1º de março de 2015. A ideia é humanizar o local que é ponto de referência para caminhadas, grupos de corrida e pessoas que priorizam a qualidade de vida.

A grafiteira Marilena Grolli, de Campo Grande, comandou os painéis da Firmino Vieira, na entrada dos estudantes do Ensino Médio. Mais adiante, próximo à entrada da Educação Infantil, os espaços foram decorados por famílias e alunos.

Na extensão da Olinda Pires, os professores Magno Missirian, de arquitetura e Douglas Raldi Herrera, de artes, coordenaram os acadêmicos em pinturas murais que marcarão do jubileu da EIC e os 80 anos de Dourados, também completados em 2015.

O também artista plástico Douglas Herrera está animado com o projeto: “ ele mostrou, nestes dois dias, que arte pode expressar o mundo de outra forma e significar e eternizar na memória o natural vivido cheios de formas, cores e signos e simbologia. Isso transforma os muros da escola na maior galeria a céu aberto que Dourados já teve, fazendo que o observador, nesse caminho, olhe e eternize o 60 anos da escola Imaculada Conceição”.

Dourados Agora