01 de dezembro de 2020
Campo Grande 33º 24º

CAIU

Ministro da Saúde, Nelson Teich, pede demissão após humilhações

Teich teve poder como ministro minimizado pelo presidente Jair Bolsonaro

O ministro da Saúde, Nelson Teich, pediu demissão do cargo, informou o próprio ministério.

Uma coletiva de imprensa será marcada nesta tarde, de acordo com a pasta.

Há menos de um mês no cargo, Teich teve poder como ministro minimizado pelo presidente Jair Bolsonaro. Na segunda, foi informado pela imprensa de decisão do presidente de aumentar a lista de atividades essenciais com salões de beleza, academias e barbearias e se mostrou surpreso.

Após as humilhações e confrontos do chefe do Executivo, Teich decidiu deixar a pasta na manhã desta 6ªfeira (15.maio).

Teich é o segundo ministro a deixar a Saúde em meio à pandemia. Seu antecessor, Luiz Henrique Mandetta, foi demitido por divergir de Bolsonaro na atuação da pandemia.

Internamente, o governo estuda que a pasta seja assumida pelo secretário-executivo, general Eduardo Pazuello.