12 de junho de 2021
Campo Grande 25º 14º

Corrida em meio à natureza vai explorar belezas do Pantanal

A- A+

Uma das novidades da 2ª edição do Pantanal Extremo, que acontece de 13 a 16 de novembro em Corumbá, a 419 quilômetros da Capital, é a estreia da corrida em trilhas, que passa a integrar, ao lado de outras seis modalidades, a programação da competição.

A prova será realizada no dia 15 de novembro em duas categorias individuais: masculino e feminino e terá um percurso de aproximadamente 11,2 quilômetros, em meio aos recursos naturais e patrimoniais da historia de Corumbá.

Da Avenida General Rondon, os atletas vão enfrentar um percurso de 7 milhas, cerca de 11,2 quilômetros, passando por vários tipos de terreno. Já no começo da corrida, os paralelepípedos do Centro Histórico da cidade serão os primeiros desafios dos competidores. O trecho também reserva escadarias e ladeiras centenárias. Na região conhecida como Cacimba de Saúde, começa a trilha com muitos obstáculos naturais à beira da Baía do Tamengo. Serão quatro quilômetros de muito verde. Uma vantagem é que esta parte, além de uma visão inesquecível do Rio Paraguai, haverá muita sombra. A terceira parte do percurso é a chegada ao Parque Marina Gattass. Em seguida vem o trecho mais longo. No asfalto, o ritmo tende a ficar mais solto e rápido. De lá os corredores retornam para a ponto da largada. Ao longo de todo o trajeto, estarão espalhados diversos pontos de água e de apoio, inclusive com militares e viaturas do Exército e da Marinha. Qualquer pessoa com bom preparo físico pode participar da Trilha. O percurso da prova, realizado em terreno variável (asfalto – estrada de chão – trilhas – obstáculos naturais) foi montado com intuito de gerar novas experiências para a prática de corrida em contato direto com a natureza, proporcionando a sensação de liberdade e de desafio a todos os participantes.

O evento contará com toda infraestrutura necessária para garantir a logística, segurança e qualidade da prova: guarda-volumes, banheiros químicos, atendimento médico emergencial, pontos de água durante o percurso, entrega de fruta/isotônico no final da corrida, cerimônia de premiação, chip de cronometragem e kit de participação. O evento têm a supervisão da Federação de Atletismo de Mato Grosso do Sul.

Karla Machado com Esporte Ágil