27 de setembro de 2021
Campo Grande 34º 22º

#LUTO

Ingra Padilha, mantenedora da Praça da Bolívia morre aos 37 anos

Ela lutava há três anos contra o câncer de mama

A- A+

A artista Ingra Padilha, de 37 anos, morreu na tarde desta 4ª-feira (2.dez.2020) após 3 anos lutando contra o câncer de mama, que foi diagnosticado em 2018. Ela fez cirurgia de câncer de mama em 31 de agosto desse ano e estava em recuperação.

Artistas, produtores e Fóruns Municipal e Estadual de Cultura realizariam evento on-line “Festival Flor do Andes”, amanhã (3.nov) e depois (4.nov) para arrecadar fundos para custear a procedimento de fisioterapia.

Artistas, produtores e Fóruns Municipal e Estadual de Cultura lamentaram a morte da guerreira cultural em grupo fechado da Classe. 

Segundo a classe é desejo da família que o envento seja mantido. "acontecerá em sua homenagem, continuaremos com a programação", disse o ator, diretor e produtor do Teatro Imaginário Maracangalha, Fernando Cruz.  

Ingra fez parte do grupo de dança T’ikay, danças típicas bolivianas, e ajudou a promover a cultura do país fronteiriço na Capital.

Ela foi dançarina, produtora e organizadora do evento na Praça da Bolívia durante 15 anos. Além de grande ativista cultural.  

 

*Reportagem alterada às 17h38 para acréscimo de informação.