25 de junho de 2024
Campo Grande 29ºC

Serra crítica gestão de Dilma ao visitar Mato Grosso do Sul

A- A+

Na tarde de hoje, o senador eleito por São Paulo José Serra (PSDB) está em Dourados ao lado do candidato ao governo do Estado, Reinaldo Azambuja (PSDB).

Durante seu discurso, segundo o Dourados Agora, Serra afirmou que o governo de Dilma Rousseff (PT)não sabe elencar prioridades para fazer os devidos investimentos de forma correta. "Dinheiro o governo federal tem, o que falta é elencar prioridades", declarou o governador.

Serra concedeu entrevista coletiva para a imprensa no Hotel Bahamas no início da tarde, ao lado de Reinaldo, Nelson Trad (PMDB) e do deputado federal Geraldo Resende (PMDB) e voltou a fazer criticas contra o trem bala, projeto do governo federal.

O tucano afirma que o projeto custaria 65 bilhões e que não há demanda que o justifique, pois existem outras prioridades. "Tem que investir no transporte coletivo em todo o país e não em um projeto para atender São Paulo-Rio", criticou Serra.

Ao falar novamente do governo federal, Serra disse que o PT de Dilma vende ideologia aos brasileiros de ‘aprenda inglês dormindo, emagreça comendo e faça ginástica deitado". "Temos que fazer uma reforma completa na saúde brasileira, pois hoje os municípios é que estão responsáveis pela saúde e isso não pode acontecer mais", disse, referindo-se o motivo do caos na saúde no país.

Questionado sobre se seria a favor do fim da reeleição, proposta defendida pelo presidenciável Aécio Neves (PSDB), Serra disse que apoia essa iniciativa e no Senado ainda vai propor uma medida que possa mudar o sistema eleitoral do país, de forma que deputados sejam eleitos por regiões do estado.

 Dany Nascimento