19 de abril de 2021
Campo Grande 31º 20º

Macri toma posse como presidente da Argentina e prega política "sem ego"

Mauricio Macri, líder da frente conservadora Mudemos, tomou posse nesta quinta-feira (10) como o novo presidente da Argentina, pondo fim a 12 anos de kirchnerismo. 

"Quero ser o presidente que se comunica com todos os argentinos, que fala de suas dúvidas, de suas crenças e de suas esperanças", afirmou em discurso após prestar juramento diante do Congresso.

Ele prometeu trabalhar "incessantemente por vocês nos próximos quatro anos". E aproveitou para dar uma alfinetada em sua antecessora, Cristina Kirchner: 

"A política para mim não é uma competição para ver quem tem o ego maior. É trabalhar juntos para o bem de todos."

Ele prometeu ainda combater a pobreza, a corrupção e o tráfico de drogas e melhorar as relações com os EUA.

"Temos de tirar a confrontação do centro da política", afirmou ainda, em nova crítica a Cristina. "Com brigas, ninguém ganha; com diálogo, todos ganham."

"Um novo tempo está chegando, um tempo de diálogo, um tempo de trabalho de equipe", afirmou. 

Boicote

A posse de Macri foi cercada de polêmicas. Cristina defendia que a posse e a transmissão da faixa presidencial deveriam ser realizadas no Congresso. Já Macri defendia que ocorressem na Casa Rosada, sede do governo.

Sem um acordo, Cristina decidiu boicotar a cerimônia e não passar a faixa ao sucessor.

Com uma liminar, Macri conseguiu que ela fosse afastada do cargo antes do tempo, à meia-noite desta quinta. Até o juramento de Macri na quinta-feira, o chefe de Estado foi Federico Pinedo, presidente provisório do Senado.

Foi ele que passou a faixa e o bastão de comando a Macri, na Casa Rosada. 

Prefeito da capital Buenos Aires durante oito anos, Macri jurou o cargo perante a Assembleia Legislativa, reunião das duas Câmaras do Congresso, como estabelece a Constituição. Antes dele, passou pelo mesmo processo a vice-presidente Gabriela Michetti.

Macri, de 56 anos, chegou ao Congresso acompanhado pela terceira mulher, Juliana Awada, e pela filha de ambos, Antonia, de 4 anos. (Com agências internacionais)