02 de dezembro de 2021
Campo Grande 31º 21º

Chega de Sangue: grupo vai à Câmara em busca de apoio à campanha pelo fim da violência contra mulher

A- A+

Um grupo de mulheres participa da sessão desta terça-feira (8) da Câmara de Vereadores de Campo Grande para pedir apoio à campanha que exige fim da violência contra mulher em Mato Grosso do Sul. Os dados da violência contra mulher no Estado são alarmantes. De 2014 a 2015, foram registrados 19.013 ocorrências contra a mulher em todo Estado dos quais 6.111 na Capital. 

Como estratégia de difundir projeto para grande número de pessoas, esse grupo de mulheres decidiu percorrer terminais de ônibus da Capital. Já foram visitados terminais: Julio de Castilho, Nova Bahia e Bandeirantes. Os próximos a receber a campanha serão: General Osório e Morenão.

Nália Nery, 48 anos, é vice-presidente da Coordenação Estadual de Mulheres, ela conta que ideia de campanha surgiu da necessidade de conscientizar população da importância de acabar definitivamente com violência contra mulher. "Estamos fazendo um trabalho pelo fim da violência e não a diminuição, nosso Estado sofre muito com a violência contra a mulher, por isso estamos visitando lugares com o maior numero de pessoas".

Segundo Nália, o objetivo da campanha é conscientizar mulheres através educação para que elas denunciem casos de violência. "A Lei Maria da Penha está aí para ser cumprida, esse movimento começou no ano passado e vamos levar educação e informação para que as mulheres não se permitam serem agredidas e não sejam coagidas por agressores, essa impunidade tem que acabar pois vidas podem ser salvas com essa campanha" diz Nália.