25 de maio de 2024
Campo Grande 13ºC

INTERIOR | PORTO MURTINHO (MS)

Filho acha pai de 96 anos e mãe 76 mortos a tiros

Quatro tiros foram ouvidos entre às 3h e 3h30 desta madrugada de 4ª.feira

A- A+

Henrique Vergílio Schupp, de 96 anos e Hilda Aguilera Schupp, de 76 anos, foram encontrados mortos às 07h15 desta 4ª.feira (26.abr.23), na casa em que viviam na Rua João Pessoa, Centro, de Porto Murtinho (MS).

Conforme apurado, um filho do casal foi até a residência e encontrou os pais mortos. 

O Delegado Eudenir Soares, juntamente com os investigadores do Setor de Investigação Geral, foram à casa e confirmaram os óbitos.

Equipes do Corpo de Bombeiros estiveram na cena do crime, mas apenas registraram as mortes. A perícia também foi ao local e apreendeu uma arma perto dos corpos.

O corpo de Hilda estava no quarto da casa, atingido por dois tiros. Já o corpo de Vergílio estava em um corredor. Perto dele, havia a arma de fogo, calibre 357, apreendida pelos peritos. 

Uma testemunha contou à polícia que ouviu dois primeiros disparos às 3h desta madrugada e 35 minutos depois, outros dois tiros ecoaram do imóvel.  

Familiares das vítimas também acompanham os trabalhos policiais e chegaram a relatar que Vergílio tinha muito ciúmes da esposa Hilda. O produtor rural tinha várias posses e o casal era conhecido na cidade de Porto Murtinho.

A polícia suspeita, inicialmente, que Henrique tenha atirado contra a esposa e depois tirado a própria vida, apesar disso, o caso foi registrado morte a esclarecer.