11 de abril de 2021
Campo Grande 34º 22º

Secretário de Bernal ataca gestões anteriores, após temporal ‘esfarelar’ asfalto na Capital

O secretário Municipal da Juventude  de Campo Grande, Wilton Edgar Acosta utilizou rede social na noite deste sábado (5) para atacar administrações que antecederam ao prefeito Alcides Bernal (PP).

Em publicação via Face Book, Acosta atribui a deterioração rápida da pavimentação de ruas do município, após temporal ocorrido na tarde de sábado, a obras que estiveram sob o comando de Nelson Trad Filho (PTB) e André Puccinelli (PMDB).  “Basta chover para lembrar que tudo isso que esfarela são obras dos mesmos (...) PMDB (...) André. (...)Nelsinho, (...) Giroto(...), Proteco (...) Amorim (...) e cia”, alfineta secretário e acrescenta “gastaram milhões nessas obras”, disse. 

De forma provocativa, Acosta defendeu Bernal  dizendo que “se os políticos e empresários corruptos não tentarem derrubá-lo[Alcides Bernal] novamente, tenho certeza que fara muito em pouco tempo”, afirma.

Temporal

Com pouco mais de 2 horas, a forte chuva que atingiu a cidade chegou a 49 milímetros. Ruas ficaram alagadas, com trânsito impedido. Segundo a Prefeitura Municipal de Campo Grande tiveram de ser interditados Avenida Afonso Pena, o cruzamento da Rua Rachid Neder com Rua 14 de Julho, Avenida Ricardo Brandão, Rua Eça de Queiroz com a Avenida Ernesto Geisel.

O temporal também impossibilitou travessia na Avenida Via Parque, onde ocorreu alagamento entre o cruzamento da Avenida Mato Grosso até Rua Antônio Maria Coelho. A via foi inaugurada há três anos com estrutura de drenagem, orçada à época em cerca de R$ 11 milhões. A chuva também provocou queda de energia elétrica em diversos bairros da cidade.

Equipes do Corpo de Bombeiro encontraram o corpo de um homem enroscado em galhos do córrego situado no cruzamento das avenidas Manoel da Costa Lima e Presidente Ernesto Geisel, na Capital. De acordo com informações, há suspeita de que a vítima teria sido arrastada pela chuva, no início da tarde.Na noite desde sábado, a chuva voltou a cair na Capital. A Defesa Civil emitiu alerta para população, recomendando  desvio e afastamento de áreas alagadas.