14 de junho de 2021
Campo Grande 27º 13º

Vereador deixa Polícia Federal após assinar TCO

A- A+

O vereador Ayrton Araújo (PT) que havia sido detido acusado de estar fazendo boca de urna na escola estadual José Barbosa Rodrigues, no bairro Universitário já deixou a sede da PF (Polícia Federal) em Campo Grande.

Ayrton e o delegado do PSDB (Partido da Social Democracia Brasileira), Inácio Cavana que trocaram acusações sobre a prática de boca de urna foram encaminhados para a delegacia, ficaram por duas horas na sede e foram liberados após assinarem TCO (Termo Circunstanciado de Ocorrência), se comprometendo a dar novos esclarecimentos se for necessário.

O parlamentar negou que estava fazendo boca de urna. Outras duas mulheres assinaram o TCO por aglomeração próximo ao colégio Nova Geração, na Vila Taveirópolis, em Campo Grande.

Dany Nascimento