13 de abril de 2021
Campo Grande 33º 21º

Azambuja discute proposta de utilização de repasse a União com indígenas

O governador Reinaldo Azambuja (PSDB) reúne-se nesta quarta-feira (3) a partir das 15h30  com representantes indígenas para explicar proposta do governo estadual sobre a possível utilização do repasse da dívida do Estado com a União para realizar demarcação de terras em Mato Grosso do Sul. Proposta foi encaminhada a presidente Dilma Rousseff (PT) na semana passada.

De acordo com governador, a intenção é minimizar a atual situação conflituosa pela posse de terra entre indígenas e fazendeiros, por meio da utilização do repasse de R$ 86 milhões, que são destinados a União, relativos aos 15% da receita líquida do Executivo Estadual. O recurso seria, conforme o governador, destinado para aquisição de propriedades para acomodar famílias indígenas.   

A reunião é resultado de reivindicação feita por grupo de indígenas que estiveram na Assembleia Legislativa protestando, na semana passada, contra CPI do Cimi (Conselho Missionário Indigenista) - que investigação possível financiamento do órgão em ocupações de propriedades rurais do Estado. Na oportunidade, o encontro foi proposto pelo deputado estadual Zé Teixeira (DEM).