26 de setembro de 2020
Campo Grande 37º 24º

Com punho cerrado Geronimo se entrega

O ex-presidente do PT, José Genoino, deixou sua casa no bairro do Butantã, em São Paulo, e se entregou pessoalmente à sede da Polícia Federal. Ele foi o primeiro a receber intimação de prisão nesta sexta-feira 15 pela Ação Penal 470. Em nota divulgada nesta tarde, o político reitera ser inocente e diz ser um preso político.

Genoino foi condenado a 6 anos e 11 meses de prisão pela participação no chamado esquema do 'mensalão'. Ele disse também que foi condenado por que era presidente do PT na época do episódio e afirma que não existem provas das acusações contra ele. "O empréstimo que avalizei foi registrado e quitado", diz a nota.

O deputado petista foi condenado por corrupção ativa e formação de quadrilha, esta última  embargada por conta dos infringentes. Seu julgamento deve ser retomado em 2014, pois ele obteve 4 votos favoráveis a sua absolvição. Informações dão conta de que Genoino foi intimado em casa, na zona oeste da capital paulista.

Portal Brasil 247