14 de abril de 2021
Campo Grande 33º 19º

Lava Jato

Conselho de Ética do Senado acata pedido de Delcídio para substituir relator de pedido de cassação

O presidente do Conselho de Ética do Senado, senador João Alberto (PMDB-MA) acatou pedido da defesa do senador Delcídio do Amaral (PT) e retirou o senador Ataídes de Oliveira (PSDB-TO) da relatoria do processo no Senado.

A defesa do petista alega que Ataídes não tem condições de fazer um relatório imparcial, pois além do PSDB, integra bloco de oposição do governo, formado também por DEM e PV. O DEM apoiou por escrito o pedido de abertura de processo de cassação de Delcídio apresentado no Senado pelo PPS e Rede.

Com saída do relator, o presidente do Conselho de Ética agendou para próxima quarta-feira (2) reunião para escolha de novo relator do processo. Até lá, não haverá substituto. Delcídio retorna ao Senado em 15 dias depois de terminar período de licença médica. O petista foi solto na última sexta-feira (19) depois de passar 87 dias preso por atrapalhar as investigações da Operação Lava Jato.