28 de outubro de 2021
Campo Grande 30º 22º

Definidos membros que irão compor CPI para investigar denúncias contra o CIMI

A- A+

A Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) instalada na Assembleia Legislativa para investigar denúncias de incitação de invasões pelo Conselho Missionário Indigenista (CIMI ) em propriedades rurais de Mato Grosso do Sul pelo Conselho Missionário Indigenista (CIMI ) já tem o quadro de membros completos com as respectivas funções.Os nomes foram definidos na tarde de ontem, em reunião na Assembleia Legislativa.

Na presidência da comissão ficou a deputada estadual, e autoria da proposta da CPI, Mara Caseiro (PT do B). Na vice-presidência ficou o deputado estadual Marquinhos Trad (PMDB). O deputado Paulo Corrêa foi eleito para ser o relator  dos trabalhos. Como membros foram escolhidos os deputados Pedro Kemp (PT) e Onevan de Matos (PSDB).

Na oportunidade, Mara Caseiro entregou aos membros um documento com sugestões de oitivas e procedimentos a serem seguidos pela CPI. “Isto seria um norte para os trabalhos. Todos vão avaliar, apresentar emendas e votaremos na reunião seguinte”, disse a deputada. Segundo a presidente, as reuniões da CPI ocorrerão às terça-feira, às 14h, na Assembleia Legislativa.