20 de setembro de 2021
Campo Grande 38º 26º

PARLAMENTAR BOLSONARISTA

Deputado mente a seguidores que ex-vereador preso com pistolas e munições é do PT

Na verdade o preso pertence ao Partido Progressista, sigla do Centrão

A- A+

Um ex-vereador de Guarujá, município do interior de São Paulo, foi preso após a Polícia Rodoviária Federal (PRF) encontrar um arsenal escondido no painel do carro conduzido pelo suspeito, na 4ª-feira (25.nov.2020), em Salvador (BA). Ele postou em uma rede social fotos de trechos em que passou durante sua viagem, inclusive no dia de sua prisão. Um vídeo (no final da reportagem) mostra o momento da prisão do suspeito, que era coligado em 2016 ao PP, o mesmo partido liderado por Arthur Lira (PP-AL), que faz parte do Centrão, aliado de Jair Bolsonaro. 

Apesar de as informações serem essas, um deputado estadual tentou em publicação na tarde de ontem (30.nov) confundir os seus seguidores, dizendo que o ex-vereador preso era apoiado pelo PSOL e coligado ao Partido dos Trabalhadores (PT), no entanto a afirmação é mentirosa.  

Na sua rede social, o deputado estadual Capitão Augusto (PL/SP) mentiu aos seus seguidores que o ex-vereador Jaime Ferreira Lima Filho, o Jaiminho, fosse coligado ao Partido dos Trabalhadores (PT), a fim de relacionar a prisão de Jaiminho ao partido. "Ex-vereador Jaiminho do PT, apoiado pelo PSOL, sendo preso pela PRF", escreveu o deputado em uma publicação feita ontem (30.nov) em sua página no Facebook.  

A sigla a que pertence o ex-vereador, hoje denominada Partido Progressista, já foi também o Partido Progressista Brasileiro (PTB- 1995 – 2003), depois passou a ser denominado apenas Partido Progressista (PP), pertencente ao grupo de siglas políticas denominadas 'Centrão'.  

 O deputado tem cerca de 471.375 pessoas o seguindo na rede social onde a 'fake news' foi divulgada. Lá ele também se promove como futuro nome a ocupar a presidencia da Câmara dos Deputados. Em uma postagem afirma que seu nome é o mais forte para entre os bolsonaristas. 

A reportagem enviou o questionamento à assessoria do deputado Capitão Augusto sobre a fake news propagada, no entanto, até o momento nenhuma resposta foi enviada.  

A PRISÃO 

Arsenal apreendido com ex-vereador do PP Arsenal apreendido com ex-vereador do PP. Foto: PRF 

 Jaime Ferreira de Lima Filho, o Jaiminho (PP), foi preso quando estava perto de uma balsa, em Salvador, na 4ª-feira , que faz o traslado fluvial para o município de Itaparica, em um trecho de cerca de 20 quilômetros.

Antes do flagrante, a polícia foi informada que um Citroën C3 transportava armamento e munição, em um trecho perto de Santo Antônio de Jesus, a cerca de 110 km de Salvador. Essa distância é mais curta entre os municípios, mas exige o uso de uma balsa, que faz a travessia entre Itaparica e a capital baiana.

A polícia, porém, não localizou o suspeito no ponto indicado pelas denúncias. Desconfiados de que ele poderia seguir sentido Salvador, usando a travessia por água, policiais rodoviários federais pediram apoio à polícia de Salvador.

Já na capital baiana, agentes flagraram o suspeito desembarcando da balsa com o veículo. Neste momento, um policial começou a gravar um vídeo da abordagem, com um celular.

VEJA O VÍDEO

Ao todo, segundo a PRF, foram apreendidas 13 pistolas, 26 carregadores deste tipo de arma e mais de mil munições.

Segundo o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) Jaiminho foi eleito vereador de Guarujá pelo primeira vez em 2008, pelo PP, com 3.019 votos. Ele foi reeleito na eleição seguinte, com 1.937 votos. Em 2016 ele tentou manter o cargo no legislativo, mas perdeu.

*Com informações da PRF.