14 de junho de 2021
Campo Grande 27º 13º

Equipe de Reinaldo se reúne no fim de semana para definir ajustes na gestão

A- A+

Empenhados em definir os ajustes para o início da gestão do governador eleito, Reinaldo Azambuja (PSDB), os secretários estaduais que vão compor a equipe do tucano estão se dedicando ao máximo. Ontem, os titulares estiveram reunidos com o governador eleito para discutirem a composição de suas equipes, levantar dados das urgências que devem ser tratadas e os planejamentos das ações do início do governo e dos próximos quatro anos.

“Estamos em intenso trabalho. Ontem mesmo tivemos várias reuniões. O dia todo discutimos a formação das equipes, levantamos os riscos e problemas que vamos enfrentar, as urgências que temos de atacar primeiro, assim como as medidas para os primeiros dias e para os primeiros meses”, disse o governador eleito.

Ao conceder entrevista à Rádio Cultura, Reinaldo disse que os desafios são muitos, mas que não há tempo de ficar se queixando, levando em consideração que o momento é de dar foco no ajustes das contas para promover o atendimento à população sul-mato-grossense.

“A população nos delegou quatro anos de governo e nós temos que responder com indicadores, com serviços melhores, com a melhor prestação de serviço e isso precisa ser resolvido de imediato”, explica Azambuja.

Quanto aos ajustes das contas, o tucano reafirmou que fará mais enxugamentos na máquina estadual. A primeira proposta veio com a reestruturação governamental com o fim de duas secretarias.

Azambuja também reafirmou que vai conter gastos nos setores de compras, cargos comissionados e reavaliar valores e necessidades de contratos existentes com a atual administração.

“A matemática é uma ciência exata, não existe fórmula milagrosa. O que tem que ser feito são ajustes, saber gastar, ter critérios. Vamos mexer no que é preciso. Contratos necessários vão passar por avaliações e os que não forem imprescindíveis, vamos abrir mão”, afirma Azambuja.

“Embora tenha os obstáculos e algumas cascas de bananas que estão deixando no caminho para a gente escorregar, eu tenho muita tranquilidade, acredito na nossa equipe. A população que me delegou essa responsabilidade de governar e vamos governar com as prioridades das pessoas, gastando menos com o Governo e mais com as pessoas. É essa a prioridade que nós temos para Mato Grosso do Sul”, finalizou o tucano.

Dany Nascimento