13 de junho de 2021
Campo Grande 25º 11º

Saúde

Estado foi dividido em 11 regiões para receber muitrão da saúde

Mutirão dve começar nos próximos meses e depois será mantido nos municípios com recursos do governo

A- A+

O governador Reinaldo Azambuja (PSDB) anunciou hoje durante Fórum de Integração com Municípios detalhes do mutirão da saúde.

Segundo Reinaldo, o Estado foi dividido em 11 regiões para que seja feito um mutirão no intuito de acabar com filas de espera para realização de exames como tomografia e ultrassonografia além de pequenas cirurgias.

Cada região irá receber médicos, enfermeiros enviados pelo Estado que farão consultas e exames em hospitais, unidades básicas de saúde e carretas montadas especialmente para funcionar como um consultório itinerante.

Os hospitais das regiões serão os locais de realização das cirurgias. Reinaldo explicou que é preciso formar um pacto com servidores municipais e estaduais para garantiu que o atendimento seja realizado com qualidade.

O governador pediu aos prefeitos que deem continuidade ao projeto para que as filas de espera não voltem a se formar. Para isso, Reinaldo se comprometeu a ajudar financeiramente os municípios para que as prefeitura possam manter os atendimentos. 

Reinaldo reafirmou seu compromisso de finalizar as obras do Hospital do Trauma em Campo Grande e de investir na ampliação do Hospital Regional Rosa Pedrossian assim como do Hospital de Câncer, todos na Capital.