15 de junho de 2021
Campo Grande 28º 15º

Governador defende delegado e diz que só trabalha com quem é ficha limpa

A- A+

O governador Reinaldo Azambuja (PSDB) rebateu hoje notícias veiculadas na imprensa a respeito do delegado Roberval Maurício Cardoso Rodrigues, escalado por ele para assumir a DGPC (Delegacia Geral de Polícia Civil).

Algumas publicações criticaram a escolha do governador por Roberval responder a um inquérito policial por ter matado a tiros, na madrugada de 28 de novembro de 2014, um homem em frente ao condomínio onde mora no Jardim dos Estados. O delegado alegou legítima defesa e, conforme inquérito, todos os indícios encontrados comprovam a versão de Roberval.

Reinaldo lembrou que o delegado já foi inocentado pelo TJMS (Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul) e que todas as pessoas que compõem seu governo assim como Roberval são "ficha limpa"."Ele é inocente e está apto a assumir o cargo até porque todos apresentaram suas certidões negativas e todos os documentos exigidos por lei", explica.

O governador ponderou que a imprensa local precisa analisar com cautela as informações e não "soltar notícias sem veracidade". Reinaldo defendeu que "não se pode ofender a honra de uma pessoa devido a uma notícia vinculada erroneamente."

Heloísa Lazarini e Tayná Biazus