16 de abril de 2021
Campo Grande 32º 20º

Governo vai recorrer à Justiça contra Egelt para garantir término do Aquário do Pantanal

O governo do Estado irá recorrer na Justiça contra liminar que permitiu à Egelt Engenharia não dar continuidade às obras do Aquário do Pantanal até que auditoria sobre valores a serem pagos seja concluída.

Segundo nota emitida nesta segunda-feira (16), no fim da tarde, pelo governo estadual, a Seinfra (Secretaria Secretaria Estadual de Infraestrutura), irá se responsabilizar pela conservação da obra durante 120 dias em que estará paralisada, porém, todas medidas necessárias para retomá-la serão adotadas pelo governo, pois "a obra parada é prejuízo aos cofres públicos, e para tal entrará com agravo contra a liminar da empresa que se recusou a retomar as obras do Aquário, até o próximo dia 24 de novembro."

A Egelt foi designada para concluir a obra do Aquário do Pantatal após Justiça suspender continuidade do serviço da Proteco Construções Ltda, que era responsável pela obra que já custou R$ 234 milhões ao governo estadual. Porém após denúncias da Operação Lama Asfáltica da Polícia Federal, a empresa de João Amorim foi retirada da obra.

Em nota, governo citou serviços que faltam ser executados e foram paralisados por 120 dias. Com relação ao contrato com a Empresa Clima Teck Climatização Ltda. que prevê a execução do sistema de ar condicionado, ventilação e exaustão mecânica do Aquário faz-se necessária a conclusão dos seguintes serviços: Conclusão do forro de gesso para arremate dos dutos e instalações de grelhas e facoletes tipo cassetes; Instalação da bancada multimídia; conclusão do revestimento de ACM do tanque 20, no Auditório, para arremate dos dutos e instalações de grelhas; Disponibilização da energia definitiva da obra para limpeza das tubulações; teste da Central de Água Gelada devido à potência dos equipamentos.

Já o contrato com a Fluidra Brasil Indústria e Comércio Ltda. que tem como objeto a execução dos serviços técnicos especializados para fins de consecução do sistema de suporte à vida (filtragem, automação e iluminação) e construção cenográfica, teve que ser paralisado devido a não disponibilização dos itens: Conclusão da cobertura do tanque 15 – Aquasfera – para conclusão das instalações do sistema de filtragem, cenografia e iluminação cênica; Tratamento do fundo e paredes de concreto do tanque 2, 12 e 14 para execução da impermeabilização e cenografia; Energização de todos os quadros de energia que atende o sistema de filtragem e Execução do forro dos tanques internos nº 03 e 06 para conclusão da cenografia e ajuda da iluminação.