24 de novembro de 2020
Campo Grande 35º 21º

POLÍTICA

Joice Hasselmann: Vazamento de áudio atesta que Bolsonaro é chefe do Gabinete do Ódio

"Ele tem um complexo muito grande de inferioridade e de perseguição. O próprio Bolsonaro está derrubando o Bolsonaro", afirmou a deputada

Em entrevista ao Datena na Rádio Bandeirantes, nesta terça-feira (28), a deputada Joice Hasselmann (PSL-SP) comentou sobre um áudio seu que foi vazado nesta manhã com o pedido de criação de perfis falsos nas redes sociais. De acordo com ela, vazamento confirma que o presidente Jair Bolsonaro é chefe do Gabinete do Ódio.

“Há uma forçação de barra, de uma construção de narrativa, que é típico do presidente da República, que começou com isso ontem. Em nenhum momento houve perfis falsos, eu falo de perfis de apoiadores, peço para as tias do WhatsApp que me apoiem, que no momento em que estou sendo atacada covardemente por essa milícia que tem seu coração dentro do Planalto, que criem perfis em minha defesa, para me ajudarem nessa guerra”, afirmou na entrevista.

“Quando o presidente da República vem a público induzir essa narrativa, para mim ele assina o atestado de culpa de ser o chefe do Gabinete do Ódio”, continuou a deputada, que também defendeu a renúncia do ex-capitão.

“Nós estamos vivendo estado de Exceção, Datena. Estamos vivendo chavismo com sinal trocado”, desabafou. “As pessoas de direita não querem essa palhaçada que virou o bolsonarismo”.

“Gostaria muito dizer que Bolsonaro é emocionalmente pouco inteligente, mas quando vejo ele usando o Estado para impedir que seu filho vá para a cadeia por conta de rachadinha, não consigo mais atestar a bandeira anticorrupção do presidente”, afirma.

Para Joice, é pouco provável, neste momento, que o presidente sofra um impeachment. Ela diz que este é um procedimento mais político do que técnico. “Elementos técnicos e jurídicos têm, o que não se tem ainda é o elemento político”, opinou.

Fonte: Fórum.  

Este post foi modificado pela última vez em 28/04/2020 12:22