21 de abril de 2021
Campo Grande 32º 18º

Justiça considera "inconsistente" pedido de Sisem para mandar prender Bernal

A- A+

Após ser protocolado o pedido de prisão do prefeito de Campo Grande, Alcides Bernal (PP) e do secretário municipal de Planejamento, Finanças e Controle, Disney de Souza Fernandes na última quinta-feira (10) a Justiça desconsiderou a justificativa do SISEM (Sindicato dos Servidores e Funcionários municipais de Campo Grande), para enviar Bernal à cadeia.

De acordo com a decisão, na última sexta-feira (11) o juiz de direito da 7º Vara Criminal de Competência Especial, Marcelo Ivo de Oliveira, foi indeferido o pedido de prisão, pois “não há comprovação de alegação feita pelo Sisem, e que mesmo que houvesse comprovação, a multa diária já foi aplicada e não cabe prisão em flagrante”, diz o texto.

A motivação do sindicato foi embasada no descumprimento de ordem judicial expedida em setembro pelo juiz Marcelo Ivo de Oliveira, na qual exigia pagamento salarial integral dos sindicalizados até o 5º dia útil de cada mês, com isso o sindicato entrou com mandado de segurança pedindo prisão de Bernal e de Disney Fernandes, além de multa diária de R$ 5 mil.