19 de maio de 2024
Campo Grande 18ºC

ELEIÇÕES 2022

Mandetta: "Senado é uma casa de debates, não é local para samba de uma nota só"

Ex-ministro visita cidades defendendo pré-candidatura ao Senado

A- A+

O ex-ministro da Saúde Luiz Henrique Mandetta visitou na sexta-feira (8.jul.22) as cidades de Jaraguari, Camapuã e Chapadão do Sul, cumprindo agenda de sua pré-candidatura ao Senado Federal. Nas localidades, ele conversou com vereadores, lideranças políticas, empresários e com representantes de trabalhadores da saúde.

Em Camapuã, durante encontro com os agentes comunitário de Saúde, o ex-ministro lembrou das lutas e conquistas em favor da categoria, quando foi deputado federal e ministro de Saúde. Ele lembrou que a categoria em Mato Grosso do Sul, foi responsável por sua decisão de disputar eleição pela primeira vez em 2010, quando foi eleito deputado federal.  Ele disse esperar agora em sua pré-campanha, contar com apoio dos trabalhadores da saúde para buscar uma vaga no Senado Federal

Em Chapadão do Sul, antes de reunir se com vereadores na Câmara Municipal, o e ministro foi entrevistado pela jornalista Caroline Torres da Rádio e TV Futura, quando afirmou que está visitando as cidades, conhecendo as particularidades e anseios de cada região. Ele explicou a importância da atuação no Senado Federal.

“É uma casa de debates, não é local para samba de uma nota só” argumentou.  Para ele, quem for para lá, “tem que ter uma agenda para defender educação, para defender a saúde, esporte, cultura, a logística de transporte, escoamento da produção, infraestrutura, recuperação de estradas, exploração de grãos, turismo, ciência e pesquisa. Temos que ter a visão do todo”, argumentou.

Questionado sobre seu período como ministro, Mandetta ressaltou que estava cercado da melhor equipe técnica, quando enfrentou a pandemia da Covid 19.  “ A humanidade não estava preparada para enfrentar a pandemia” admitiu.  Ele afirmou que pretende realizar uma pré-campanha propositiva, com debates de alto nível, explicando os caminhos que podem ser trilhados, trazendo uma vontade enorme de servir.

Neste sábado (9.jul.22), o ex-ministro participa em Goiânia da missa de sétimo dia de Ronaldo Ramos Caiado, filho do seu amigo, governador Ronaldo Caiado.