14 de abril de 2021
Campo Grande 33º 22º

DAS CAPITAIS

Marquinhos é o prefeito que mais cumpriu promessas no Brasil

O prefeito Marquinhos Trad é o prefeito de capitais do Brasil que mais cumpriu compromissos feitos na campanha. É o que mostra um levantamento feito pelo Portal G1, que elencou as promessas feitas durante a campanha e o que o prefeito cumpriu após quatro anos do primeiro mandato.

O levantamento do G1 apontou 45 compromissos feitos, 35 cumpridos, cinco cumpridos em parte e cinco não cumpridos. Levando em consideração apenas o que foi cumprindo e não cumprido, Marquinhos alcançou 77,77% de êxito, empatado com o prefeito de Curitiba, Rafael Greca, que fez 18 promessas e cumpriu 14. 

O G1 também leva em conta o que foi realizado parcialmente, o que garantiu a liderança isolada para Marquinhos no desempate com Greca.  Levando em consideração o que foi realizado parcialmente, Marquinhos chega a 88,88%, com 35 compromissos cumpridos, cinco parciais e cinco não cumpridos. Greca tem 18 promessas, quatorze cumpridas e três não cumpridas, chegando a 83,33%.

“É uma alegria muito grande chegar ao final do mandato com este resultado. Com certeza, um incentivo muito grande para o próximo, quando vamos fazer ainda mais. Não são promessas de campanha, mas compromissos que fazemos com as pessoas que confiam na nossa administração”, declarou o prefeito Marquinhos Trad. 

Entre os compromissos cumpridos, a Criação da Ouvidoria dos servidores,  revisão no salário dos professores,  gestão democrática nas escolas, reforma e reativação de parques interditados, implantação do modelo de cidade inteligente,  clínica da família e o concurso para a Saúde. 

O levantamento do G1 considerou não cumprido o compromisso de criar uma Secretaria para Pessoas com Deficiência. Porém, Marquinhos criou uma Coordenadoria de Apoio à Pessoas com Deficiência, dentro da Subsecretaria de Defesa dos Direitos Humanos. 

Outra promessa citada como não cumprida já está em andamento: A criação do Distrito Industrial. A Prefeitura está reformando o Programa de Incentivos para o Desenvolvimento Econômico e Social e já tem área reservada para implantação.

O G1 também citou como promessa a realização de concurso público para a Educação. A Prefeitura não realizou novo concurso para otimizar recurso, mas prorrogou a validade do realizado em 2016, que venceria em 2018.

A revitalização do antigo terminal rodoviário também foi citada como não cumprida. Todavia, a Prefeitura já conseguiu recurso, encaminhou projeto para a Caixa Econômica Federal e aguarda aprovação para iniciar a licitação da parte do prédio que pertence ao Município. Outro quesito citado como não cumprido é o congelamento da tarifa de ônibus. Entretanto, o Município de Campo Grande fez apenas reajuste, conforme inflação e bem abaixo do solicitado anualmente  pelo Consórcio, levando em conta os critérios definidos em contrato e a necessidade de reajuste para os  funcionários, que poderiam entrar em greve caso não recebessem.