20 de setembro de 2020
Campo Grande 27º 19º

Marquinhos Trad concorda com a contratação de empresa para realizar concurso da Sefaz

Alguns deputados do PMDB (Partido do Movimento Democrático Brasileiro) defendiam na Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul, que a realização do concurso da Sefaz *(Secretaria da Fazenda de Mato Grosso do Sul) poderia continuar sendo feita pelo Estado, que tem capacidade para oferecer um concurso transparente.

Hoje, o peemedebista Marquinhos Trad usou a palavra para expressar que não concorda com a realização deste concurso e que é a favor do que vem sendo defendido pelos petistas, agradando os estudantes que se deslocaram até o plenário para um manifesto contra a realização do concurso. “Devemos ter prudência e cautela ao falar deste assunto, devemos dar um prazo para que o governo do Estado consiga transmitir toda essa transparência que a população está pedindo. Se vocês não estão se sentindo seguros ao se inscrever no concurso, temos sim que dar uma atenção especial e verificar o que está errado para corrigir”, afirma o deputado.

Marquinhos deixou claro que o pedido dos estudantes, é algo que o TJMS (Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul) deveria ter responsabilidade de fazer . “O que me deixa triste é ver que a população está cobrando algo que não deveria ser cobrado, algo que é obrigação do Tribunal de Justiça. Até quando vamos esperar o erro aparecer para tomar uma atitude, até quando vamos esperar as coisas darem errado? A falha não pode ser vista depois, ela tem que ser vista antes”, finaliza Marquinhos.

Até o momento, o deputado não havia expressado sua opinião sobre o assunto e deixou o plenário sendo parabenizado pela atitude. “Eu quero parabenizar o deputado Marquinhos Trad (PMDB) por entender este problema e expressar sua opinião, demonstrando que se preocupa com a sociedade. Está na hora de permitir a sociedade, um concurso transparente, para que aqueles que se inscreverem tenham consciência de que vale a pena estudar, vale a pena prestar um concurso como este”, ressalta o deputado Amarildo Cruz.

Dany Nascimento